Sintomas de Diabetes

03 de setembro, 2018

Os principais sintomas da diabetes costumam ser sede intensa, urina em excesso e coceira no corpo, e podem se manifestar em qualquer idade. No entanto, a diabetes tipo 1 costuma surgir principalmente durante a infância e adolescência, enquanto a diabetes tipo 2 está mais relacionada com o excesso de peso e a má alimentação, aparecendo principalmente após os 35 anos de idade.

Assim, na presença destes sintomas, principalmente se também existirem casos de diabetes na família, é recomendado fazer o exame de glicemia de jejum para verificar a taxa de açúcar no sangue. Caso seja diagnosticado diabetes ou pré-diabetes, o tratamento deve ser iniciado para controlar a doença e evitar suas complicações. Para ajudar no controle, veja um bom exemplo de remédio caseiro para diabetes.

O tratamento da diabetes é feito de acordo com a orientação do endocrinologista ou clínico geral e normalmente é feito com o uso de medicamentos que ajudam a diminuir a concentração de glicose no sangue, como a Metformina, por exemplo, e aplicação de insulina sintética em alguns casos. No entanto, é importante ter uma dieta adequada e praticar atividades físicas periódicas. Entenda como é feito o tratamento da diabetes.

 

Sintomas de diabetes tipo 1

A diabetes tipo 1 normalmente é diagnosticada durante a infância, mas algumas pessoas podem demorar até ao início da idade adulta para apresentar sintomas, sendo muito raros depois dos 30 anos. Os sintomas são:

  • Sensação de sede excessiva;
  • Fome em excesso;
  • Perda de peso sem razão aparente;
  • Cansaço frequente;
  • Sonolência injustificável;
  • Coceira em todo o corpo;
  • Infecções frequentes, como candidíase ou infecção urinária;
  • Irritabilidade e mudanças de humor repentinas.

Além disso, a criança e o adolescente também podem apresentar tontura, tremores, suor frio e apatia quando a taxa de glicose sanguínea é muito alta.

A diabetes do tipo 1 acontece quando o pâncreas não produz ou produz pouca insulina, fazendo com que o organismo não seja capaz de utilizar o açúcar presente no sangue. Viver com uma doença crônica como a diabetes que não tem cura não é fácil, pois ela acaba afetando de forma negativa a vida da pessoa, mas existem algumas atitudes físicas e mentais que podem ajudar a conviver melhor com a doença.

 

Sintomas de diabetes tipo 2

Os sinais e sintomas iniciais da diabetes tipo 2 são mais comuns em pessoas com excesso de peso, obesidade ou alimentação rica em açúcar e gordura. Seus sintomas são:

  • Aumento da sede;
  • Boca constantemente seca;
  • Vontade frequente para urinar;
  • Cansaço frequente;
  • Visão turva ou embaçada;
  • Feridas que cicatrizam lentamente;
  • Formigamento nos pés ou mãos;
  • Infecções frequentes, como candidíase ou infecção urinária.

Na presença destes sintomas, é importante ir no médico para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento adequado, evitando o excesso de açúcar no sangue e complicações graves.

A diabetes tipo 2 está muito relacionada à resistência à insulina, ou seja, esse hormônio não consegue colocar a glicose presente no sangue para dentro das células. O tratamento para esse tipo de diabetes pode ser feito com o uso da insulina ou hipoglicemiantes orais, além de exercícios físicos e dieta equilibrada.

Fonte:

Comentários